fbpx
imagem_header

Importar em 2020: será que vale a pena mesmo com o dólar alto?

Será que ainda vale a pena importar em 2020? O dólar em ascensão assusta a muitos consumidores brasileiros, assim como afeta as empresas de importação de maneiras diferentes. No entanto, uma coisa é fato: o aumento do dólar e, consequentemente, a desvalorização do real, tornam as importações mais dispendiosas!

Mas será que isto significa que você deve parar de importar em 2020? Antes de tomar qualquer decisão precipitada, é preciso analisar alguns fatores que incidem direta ou indiretamente sobre uma importação;

Se faça as seguintes perguntas: existem produtos similares no mercado nacional? É possível importar dos Estados Unidos com o dólar alto e mesmo assim manter a rentabilidade? 

Para entender como é possível driblar o dólar alto e continuar a importar em 2020, mantendo uma boa margem de lucro, continue lendo o artigo que nós do Papo que Importa preparamos para você importador e/ou revendedor!

Importar produtos com o dólar alto: será que é loucura?

A resposta para a pergunta acima é muito simples: tudo depende!

Pergunte-se: 

  • Quais produtos eu desejo importar e de qual loja?
  • Existem produtos similares no país onde eu moro?
  • Os produtos disponíveis nos Estados Unidos são muito mais baratos do que no meu país?

Cada uma dessas perguntas devem ser pesadas na balança para que você possa decidir se a sua importação valerá a pena ou não, mesmo com o dólar alto!

Neste momento, vamos analisar algumas situações e possibilidade de importação para este ano de 2020. Vamos lá?!

O produto tem baixa margem de lucro e similares no mercado nacional?

Se você perceber que o produto que você deseja comprar tem baixa margem de lucro e substitutos à altura no seu país, neste caso não valerá a pena importar em 2020. Uma vez que é possível encontrar o item similar por preços pouco ou nada destoantes!

O produto tem baixa margem de lucro, porém sem similares no mercado nacional?

Para aqueles que são revendedores de produtos importados, pergunte-se: o produto que você revende não tem concorrentes no mercado nacional? Neste caso, importar poderá continuar a valer a pena!

Como identificar oportunidades num mercado em “crise”? 

Uma dica importantíssima para não sair no prejuízo no momento de importar em 2020 é: invista seu dinheiro somente após de pesquisar bastante! 

Em tempos de crise e de alta do dólar, como a que estamos vivenciando, sempre existem mercados que deixam de valer a pena. Entretanto, muitos segmentos ainda compensam a importação, tal é o caso dos vestuários e, em certa parte, o mundo dos eletrônicos! 

Portanto, pesquise pelos produtos que você deseja comprar em diferentes lojas estrangeiras e nacionais e faça um comparativo de preços. Só assim será possível responder se vale a pena ou não importar em 2020!

Uma dica: redirecione suas encomendas com uma empresa de redirecionamento de encomendas como a WeGet2U e economize até 50% nos seus fretes de envio!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Copyright @ 2020 Papo Que Importa. All rights reserved.